terça-feira, 28 de julho de 2020

Cuidado com quem você confia os seus segredos e planos


Como a Bíblia é o Livro dos livros e tem exemplos sobre tudo o que, um dia, poderemos passar na vida, achei interessante citar essa história. 

Houve um rei em Judá chamado Ezequias, ele era fiel a Deus e teve muitas experiências gratificantes com Ele. Depois de Ezequias ser curado de uma doença terrível, o rei da Babilônia (povo inimigo) enviou cartas e um presente através de seus mensageiros. Ezequias, movido pelo orgulho, vaidade e talvez um momento de fragilidade, abriu as portas de seu palácio para o inimigo e mostrou todas as suas riquezas, suas armas e tudo que estava sobre o seu domínio. 

É claro que deu ruim!

Isaías, o profeta da época, informou-lhe seu erro e disse que a consequência seria perder tudo o que havia conquistado para o povo da Babilônia

A parte política da história:


Babilônia estava planejando uma revolta contra a Assíria. Para isso, estava formando alianças, provavelmente esperasse convencer Ezequias a participar dela e resolveu enviar esse mimos. Mas, como não se deve buscar amizade com o inimigo, tempos depois, a Babilônia se voltou contra Judá e devorou as riquezas de Jerusalém. Ezequias se deu mal.

A parte 'não tão política' da história:


Ezequias sabia que o povo da Babilônia era inimigo e, mesmo assim, num momento de fragilidade e orgulho, mostrou o que não devia. Eu já fiz muito isso, e você provavelmente também já fez. Sabe aquela pessoa que você sabe que é fofoqueira, que torce contra, te olha torto ou fica jogando palavras negativas, mas por ser parente ou fazer parte da sua roda de "amigos" você acaba contando seus planos e projetos ou abrindo as portas da sua casa? Cuidado com ela! 

Ezequias sabia quem era o povo inimigo e você também sabe. Nem todo mundo que te segue torce por você, muitas pessoas que estão do seu lado não estão realmente DO SEU LADO.

Um dia o rei Davi disse "até o meu melhor amigo, em quem eu confiava e que comia em minha mesa, ele também me traiu." (Salmos 41.9)

Judas traiu Jesus por dinheiro.

Sansão, grande líder de Israel, foi traído por sua mulher, Dalila, por dinheiro.

Jeremias foi colocado na prisão por confiar nas pessoas e falar a verdade. (Jeremias 38)

José foi traído e vendido por seus próprios irmãos porque contou seus sonhos. (Gênesis 37)

Jesus tinha 12 homens que faziam parte de sua diretoria, mas apenas 3 deles eram mais íntimos. Tome isso como exemplo e trabalhe em segredo. Os estranhos não te trairão, apenas os que andam contigo tem esse poder. 

"Só conte depois de já ter realizado" foi o melhor conselho que minha mãe poderia ter me dado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário