sábado, 16 de dezembro de 2017

"Cristãs" que não conhecem o Cristianismo criam página a favor da legalização do aborto


Primeiramente, quero deixar claro aqui que esse artigo foi escrito por uma mulher cristã evangélica. Sempre criticarei o que encontrar de diferente do Cristianismo dentro de uma igreja ou grupo que diz ser de Cristo.

Colocarei algumas palavras entre aspas porque se dizer cristão e de esquerda ou cristão que defende o aborto é o mesmo que se declarar judeu nazista. As aspas são necessárias para mostrar que esse povo não é cristão de verdade. Algumas pessoas até dizem que essa página foi criada por não-cristãos para confundir a cabeça das meninas.




Quem não lembra quando "católicas" (entre muitas aspas) levantaram a bandeira do aborto alegando que "até Maria foi consultada para ser mãe de Deus"?


E quem também não lembra quando o "bispo" Macedo declarou abertamente que é a favor do aborto porque é melhor que a criança morra no ventre do que crescer e virar bandido? 

Agora, "evangélicas" decidiram cometer a mesma burrice e criaram uma página chamada Frente Evangélica Pela Legalização do Aborto

O interessante é que as administradoras da página usam todos os argumentos possíveis para defender sua tese, menos o principal, que é a bíblia sagrada. Para ver essa bizarrice e os argumentos delas com seus próprios olhos CLIQUE AQUI.



MAS, AFINAL, O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE O ABORTO?

Já no Antigo Testamento encontramos passagens que protegem a vida ainda no ventre.






No novo testamento também encontra-se passagens que deixam claro que a criança no ventre tem uma personalidade e um propósito.



Percebe-se então que é óbvio que a palavra de Deus é contra o aborto e qualquer coisa que pregarem diferente disso dentro da igreja não vem de Deus. E você tem todo o direito de se levantar contra, mesmo que quem esteja falando for alguém que se diz pastor, padre ou papa.

Para finalizar, gostaria de deixar essa passagem para as administradoras da página:


Se dizer evangélico/católico virou moda, difícil é ser Cristão de verdade.