quarta-feira, 30 de agosto de 2017

O socialismo só deu certo em um lugar: nos livros de história do MEC


Você lembra da sua primeira aula sobre o socialismo? Eu lembro da minha. Eu fiquei maravilhada e assombrada ao mesmo tempo.


"Um mundo melhor é possível. É possível um paraíso na terra" - pensei eu. 

"Agora, vocês estão pensando por si mesmos. Não serão mais manipulados. O capitalismo é ruim e controla vocês - disse a professor como um profeta.

Logo depois comecei a questionar tudo, fiquei horrorizada em como o capitalismo era ruim para todos, eu odiava os Estados Unidos com todas as forças.

Mas, confesso, lá no fundo nem sabia porque o odiava.

Você já percebeu? Os livros de história e os professores nos contam todos os defeitos do capitalismo, mas não contam os do socialismo. Na guerra onde só um ataca, é fácil vencer. Se os professores fossem honestos, se fossem professores sem partido, nos contariam sobre os dois lados de maneira justa.

Exemplo de doutrinação

Quem não quer um mundo justo para todos, sem pobreza, sem fome, sem desigualdade, com liberdade, todos felizes e contentes? Essa é a propaganda do socialismo, é linda... e mentirosa!

Uma coisa que aprendi foi: nunca deve-se julgar uma pessoa (ou ideologia) pela propaganda que ela faz de si mesma.

A realidade é bem diferente da propaganda: fila para conseguir comida em regimes socialistas

Veja o que o socialismo fez na Venezuela

"Por um mundo melhor," o socialismo matou mais de 100 milhões de pessoas no século XX e espalhou  o terror, a fome e a miséria por um quarto da superfície da Terra. Coloca aí na conta de Stalin 23 milhões e na da Mao, 78 milhões. Nenhum terremoto, furacão, guerra, epidemia dos últimos quatro séculos, todos juntos, foram capazes de matar tanta gente como o comunismo. 

Leitura recomendada

Porém, questione o seu professor, ou qualquer esquerdista, sobre esses acontecimentos. Ele dirá a famosa frase "Marx foi refutado" ou "aquilo não é socialismo". Stalin subiu ao poder dizendo exatamente isso, que o regime de Trotsky não era o verdadeiro marxismo e que ele o faria, o resultado foi um regime muito pior do que de Trotsky. Daí veio Mao, deu a mesma desculpa e matou muito mais pessoas.

Então, toda vez que vierem com essa frase "deturparam Marx" é para ficar assustado, pois até quando e às custas de quantas vidas, vão tentar implantar o socialismo para se convencerem que não da certo?

O fato de haver milhares de professores socialista nas escolas e universidades não é por acaso. O filósofo marxista Gramsci tinha uma visão muito a frente de seus contemporâneos, ele pregava que a revolução deveria vir de dentro para fora. Os socialistas deveriam tomar as igrejas, as escolas, as famílias, mudar seus valores, sua forma de agir e implantar o socialismo de forma tão natural que as pessoas nem saberiam que são, de fato, socialistas. A famosa Revolução Cultural. 

E assim as escolas, as universidades e as igrejas foram tomadas. Os livros de História falam como o socialismo é lindo, as igrejas pregam a teologia da libertação, as famílias perderam seus valores tradicionais, todas as matérias arranjam um jeito de pregar política e mudar a verdadeira História: que o socialismo ama tanto os pobres que os multiplica. 

A teoria que prega implantar o paraíso na Terra, implantou o inferno.